Pai_dos_Povos

Sexta-feira, 3 de Dezembro de 2004

Barbacuas

Ouço várias vezes homens dizer que não cozinham, só grelham. Por mim, tudo bem, aqui o vosso pataphisico_azul também não faz primitivas de funçoes de cinco variáveis, só soma, e já é um pau. Nem sequer é meu problema, não sou casado com eles... A questão é o orgulho com que o dizem. "Cozinhar não cozinho, mas grelhar, é comigo!", dizem.


Primeiramente, gostava de lhes dar os meus parabéns por serem capazes de, numa grande almoçarada de família, serem capazes de acender o lume e de porem na grelha duas dezenas de bifes ou de peixes (temperados de antemão pela esposa). É realmente trabalho. (E tudo isso deve com apenas uma mão, pois a outra tem que segurar a cerveja gelada que a mulher traz de vinte em vinte minutos...). Entretanto, nesses dias de folga que os homens caçadores decidem dar às sortudas das esposas, elas apenas teem que preparar arroz e batatas, salada russa, salada de alface e tomate... mais nada. Mas, afinal, é uma dádiva! O que seria delas sem esses seres, que, ao receberem de Deus essa habilidade... não, essa arte, que é acender o lume, e virar os bifes (só com uma mão!), não a guardam para si, mas a partilham, acendem, grelham, e viram bifes não apenas para si mas para toda a família e amigos? Se não virmos aqui generosidade, puro desinteresse, desses grandes seres humanos não sei onde veremos. Claro que, eles desejariam ajudar ainda mais. Só podem acender o lume de fins de Abril a príncipios de Outubro, e é se o tempo estiver a ajudar. Além disso também nao pode ser todos os dias, que um homem trabalha e também se cansa, e também nem sempre há tempo, uma barbacua nao se faz assim em meia hora, como um bife com batatas fritas. Há certos rituais que é preciso cumprir, como por exemplo estar a limpar a grelha toda cagada de gordura seca e de merda de pássaros, porque há dois meses (última vez que grelhou) nem se lembrou que era melhor limpa-la e cobri-la, ou então o ritual de acender, propriamente, em que usa todo o tipo de material inflamável, desde papel, alcool, a vários tipos de acendalhas (líquidas, sólidas...), queima qualquer coisa, e se queima a si próprio. Por fim, e ainda antes de podermos lá por os bifes, ainda há que fazer o carvão aquecer e certificar-se depois que nenhuma chama inesperada vai saltar para cima da entremeada. São processos complexos, rituais quase religiosos, absolutamente misteriosos para a mulher, que apenas pode no fim agradecer ter tal criatura por fazer essas coisas por ela, ou não saberia como se arranjar, mas são também processos longos, e nenhum dos passos pode ser tomado levemente, ou toda a barbacua poderá estar estragada, e a desilusão para a família e para os amigos será quase insuportável.


O Homo Erectus (e neste momento podem guardar as piadas remanescentes das aulas de história do 7. ano para se rirem sózinhos) foi o primeiro homem a ser predador, a ser um verdadeiro caçador, o primeiro a deixar de ser presa de outros animais. Foi também o primeiro a dominar a arte de grelhar animais que caçava, há um milhão e meio de anos. Isto com um cérebro que pesava 74% do do homem moderno. Com certeza que ficou muito orgulhoso do facto, já podia dar feriados à mulher. Depois, o cérebro do Homo Erectus ainda cresceu os outros 26%, para merdas como jogar à bola, ver quem mija mais longe, quem aguenta mais alcool, votar no Bloco de Esquerda, ou escrever em blogues. E por aqui me fico.

publicado por товарищ V. E. às 03:41
link do Manifesto | Debater | Adicionar ao Livrinho Vermelho
|
2 comentários:
De pataphisico_azul a 5 de Dezembro de 2004 às 23:30
Se queres ver gemidos amaricados, ve certos homens a tentar por uma mancheia de batatas fritas em oleo quente, ou a virar a costeleta na frigideira quando está a respigar oleo...
De raindogs a 4 de Dezembro de 2004 às 08:21
Na arte de bem assar, o que os homens fazem é pura e simplesmente o trabalho sujo todo....Tira de cima da mulher o fardo de não ficar a cheirar a sardinha assada a noite toda, estragando horas de cabeleireiro, de não partir uma unha nem de de ficar com partes de carvão, de não se queimar com fagulhas...etc. Aliás, o alcool que consumimos na grelha é apenas anestésico que para quando nos quimamos, não chorarmos ou emitir gemidos amaricados (estilo ai..ai..enquanto ardemos).
Logo na composição actual do homo erectos estamos lá.

Argumentar

товарищи

Lenin

Manifestos recentes

Abençoados

10 de Junho

Year Zero

Descoberta fantástica!

Fruta

A luta continua!

Após uma tragédia no meu ...

O Natal

Eu

Aquecimento global

God-Zilla

Materialismo dialéctico

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Carlos

pesquisar

 
Marxismo

Ligações obscuras

eXTReMe Tracker

subscrever feeds